Buscar
  • Malu Goraieb

Papel de parede para quarto de bebê deixa o decor aconchegante e fofo

O papel de parede pode ser o toque final que está faltando na decoração do quarto de seu bebê. É um item importante para criar identidade e um ambiente aconchegante e bastante divertido.

Segundo a designer de interiores, Malu Goraieb, o papel de parede pode mudar toda a composição da decoração de um ambiente e, por isso, é tão importante a sua escolha. Para não ter erro na hora de optar, a primeira dica que a especialista dá é para considerar as cores que irão predominar no quarto. “Para que se crie uma harmonia na composição da decoração com o papel de parede e os móveis”, detalha a designer.


Tipos de papel de parede


Há uma infinidade de papéis de parede que podem fazer parte da decoração de um quarto de bebê. Há também a opção por papel de parede em todas as paredes do quarto, apenas em uma parede ou a faixa de papel de parede.

Para fazer a escolha, Malu orienta que se leve em consideração a arquitetura do espaço, a posição do guarda-roupa, a localização de portas e janelas. Segundo a designer, nem sempre é necessário decorar o quarto todo com papel de parede. “Isso também depende de quanto o cliente pretende gastar, pois alguns papéis de parede tem o custo elevado, então muitos clientes optam por usá-lo em apenas uma parede”, resume.

Os pais que optam por usar apenas o barrado, segundo a designer, estão preferindo uma decoração mais econômica e mais limpa, sendo o papel de parede apenas um detalhe discreto na decoração. “Como os barrados tendem a dividir as paredes, então, dá para compor um tipo de pintura embaixo e outro em cima ou usar um tipo de papel de parede embaixo, o barrado no meio e a pintura na parte de cima. Dá para brincar com essa opção, ela pode ser bem versátil”, considera Malu.

Os papéis de parede, tanto os que cobrem a parede inteira, como o barrado, são geralmente vendidos em rolos, conforme explica Malu. Um rolo pode ser suficiente para cobrir uma das paredes. Veja abaixo como pode ser feito o cálculo para comprar o seu papel de parede, segundo ensina a designer de interiores:

  • Um rolo de 53 centímetros por 10 metros cobre 4,5 metros quadrados;

  • Um rolo de 70 centímetros por 10 metros cobre 6,3 metros quadrados;

  • Cálculo: largura x altura ÷ área de cobertura de um rolo = quantidade de rolos (caso o resultado não seja inteiro, sempre arredonde para cima).

Essa é uma conta que pode ser feita tanto para o barrado quanto para o papel de parede que cobre a parede inteira. “Quem decide o melhor custo-benefício é o cliente, porque, dependendo do preço e da marca, ele verá qual se adapta melhor ao orçamento”, orienta Malu.


Estampas e cores ideais para o papel de parede


As cores são importantes para ressaltar efeitos e sentimentos que um quarto pode emanar. Por isso, conforme explica Malu, é fundamental avaliar que efeitos você quer causar com o quarto de seu filho.

“Vale lembrar que quartos de bebê precisam passar calma, tranquilidade e aconchego, independente de ser menino ou menina”, ressalta a designer. Por isso, cores claras são as mais indicadas.

O estilo que o quarto seguirá também é bastante importante para determinar as estampas e as cores do papel de parede. “Provençal, vintage, moderno, minimalista, lúdico, rústico, etc. E, depois de ter consciência dessas escolhas, escolher se o ideal é usar estampas, cores neutras ou as duas”, destaca Malu.

Para quartos de meninos, a designer sugere que se invista em xadrez, listras, desenhos e toques de cinza, preto, azul marinho, verde e vermelho. “É preciso ter consciência de que as cores fortes precisam compor com outros elementos que tenham cores mais neutras, assim dá para fugir do comum e criar um ambiente bem bacana”, aconselha Malu.

Já o quarto das meninas são mais delicados e a dica é contrabalancear cores neutras com florais, listras, arabescos e tons pastel. “Assim como dá pra harmonizar tons mais quentes com estampas suaves, ou o contrário”, complementa a designer.


Dicas importantes para não errar na escolha


O que levar em consideração na hora de escolher o papel de parede? A designer Malu Goraieb traz algumas dicas certeiras para não restar dúvidas na hora de escolher o papel de parede para o quarto de seu bebê.

  • O papel de parede deve combinar com os móveis, pois isso é uma forma de deixar o quarto mais harmonioso;

  • Descobrir o estilo que pretende seguir ajuda a selecionar o restante da decoração do quarto, como persianas ou cortinas, kit de higiene e kit berço, de forma a deixar o todo bastante harmônico e combinar o papel de parede com a decoração do quarto;

  • Na hora que for comprar o papel de parede é importante verificar o lote a que eles pertencem, já que lotes diferentes podem variar na tonalidade da cor.

Fonte: Dicas de Mulher

5 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Maringá - PR, Brasil

  • Preto Ícone Pinterest
  • Preto Ícone Blogger